Quirguistão

Quirguistão, variavelmente transliterado também Kirgizia ou Quirguízia, oficialmente a República do Quirguizistão, é um país da Ásia Central. Litoral e montanhoso, faz fronteira com o Cazaquistão ao norte, o Uzbequistão a oeste, Tajiquistão a sudoeste e China a leste. Acrescentou o idioma quirguiz para se tornar um país oficialmente bilíngüe, em setembro de 1991. A capital é Bisqueque.

A região montanhosa do Tian Shan cobre mais de 80% do país (como resultado, Quirguistão é ocasionalmente referido como "a Suíça da Ásia Central"), sendo o território restante constituído por vales e bacias. O lago Issyk-Kul, no noroeste do Tian Shan, é o maior lago no Quirguistão e o segundo maior lago de montanha do mundo, depois de Titicaca. Os picos mais altos estão na cordilheira Kakshaal-Too, que faz fronteira com a China. O Pico Jengish Chokusu, em 24.400 pés (7.439 m), é o ponto mais alto e é considerado por geólogos (embora não montanhistas) o mais setentrional pico do mundo. Uma forte nevada no inverno leva às inundações na primavera que muitas vezes causam graves danos a jusante. O escoamento das montanhas também é usado para a hidroeletricidade.

Quirguistão tem depósitos significativos de metais, incluindo ouro e metais de terras raras. Devido ao terreno predominantemente montanhoso do país, menos de 8% da terra é cultivada, e esta está concentrada nas planícies do norte e orlas do Vale de Fergana.

O clima varia regionalmente. O Vale Fergana sul-ocidental é subtropical e extremamente quente no verão, com temperaturas que chegam a 40°C (104°F). Os contrafortes do norte são temperados e o Tian Shan varia de continental seco ao clima polar, dependendo de elevação. Nas áreas mais frias temperaturas estão abaixo de zero durante cerca de 40 dias no inverno, e até mesmo nalgumas áreas desérticas acontece a queda de neve constante neste período.